Em Cristo somos feitos pequenos filhos de Deus

Amor profundo como o mar

“Medita, irmão, sobre o amor do Mestre, amor profundo como o mar”

📖 Medite:

Não sei se você alguma vez chegou ler a frase acima... É um pequeno trecho retirado do livro Heróis da Fé intitulado "O soluço de um bilhão de almas". Seu autor nos chama para refletirmos acerca da profundidade do amor de Jesus Cristo e hoje, brevemente, também lhe convido para refletir sobre ele.

Pare por um momento e pense no amor do Mestre, neste amor inexplicável que o levou a deixar sua glória para encarnar no mundo que Ele mesmo criou. Amor que o fez sentir nossas dores, chorar nossas lágrimas, experimentar nossas limitações e, por fim, morrer a morte que era para ser minha e sua.

Pense no horripilante espetáculo da crucificação... O Criador sendo julgado, torturado e crucificado pela própria criação. E tudo isso por amor.

Deus poderia ter destruído o mundo, condenado a mim e a você lançando-nos eternamente no inferno, mas não... Ele preferiu se submeter à humilhação e ao sofrimento para pagar o preço de nossa dívida.

Como podemos explicar isso? Existe alguma explicação, algum argumento?

Sim, e podemos resumir em uma única palavra: amor, um amor profundo como o mar, amor que à semelhança do oceano jamais seremos capazes de explorar e conhecer cada mínimo detalhe seu.

Amor eterno, inexplicável e incompreensível.

“Medita, irmão, sobre o amor do Mestre, amor profundo como o mar”

🙏🏻 Ore:

Pai, obrigado(a) pelo seu amor manifesto em Cristo Jesus, obrigado(a) por tua compaixão e graça. Ajude-me a responder a este amor, ajude-me a amá-lo e a amar aos meus semelhantes. Não permita que meu coração se rebele contra este amor inexplicável, mas ajude-me a aceitar, desfrutar e manifestar este amor eterno. Para que teu nome seja glorificado e teu Reino manifesto. Oro em nome de teu filho Jesus, amém.