Jesus havia enviado setenta discípulos para anunciarem a chegada do Reino pelas cidades que Ele haveria de passar. Ao retornarem, aqueles homens estão cheios de alegria, pois curaram enfermos, expulsaram demônios e viram sinais e maravilhas.

Mas Jesus logo lhes declara que eles não deveriam se alegrar com os sinais, a alegria do discípulo não deveria estar depositada naquilo que ele faz em Nome de Cristo, mas sim naquilo que Cristo fez por ele.

Claro que o serviço cristão provoca alegria ao coração dos discípulos e lhes traz profunda satisfação ao ver o Reino de Deus alcançando os perdidos, no entanto, a sua alegria e a sua motivação não devem estar firmadas nisto, mas em Cristo.

Alegre-se por ter seu nome escrito no céus, alegre-se na certeza da salvação, na convicção de que Cristo lhe escolheu nEle e lhe chamou.

Que Deus lhe abençoe e até amanhã em mais um #LittleDevocional.