O salmista nos apresenta, indiretamente, a realidade da depravação total e da graça misericordiosa de Deus. Sabemos que por causa do pecado o homem natural é incapaz de desejar buscar a Deus, sua vontade está totalmente corrompida pelo pecado, basta lembrar qual foi a primeira atitude de Adão quando ouviu o Senhor caminhando no Jardim.

Estando longe de Deus e afastado de tudo o que é bom, não somos capazes de nos aproximar dEle e, sabendo disto, o próprio Senhor se aproxima de nós, é Ele quem dá o primeiro passo, que caminha em nossa direção e que capacita nosso coração para amá-lo.

Ao contrário do que possa parecer, a compreensão de que é Deus quem opera em nossos corações a salvação, não deve nos levar ao caminho da indiferença ou da apatia espiritual.

A graça e a misericórdia do Senhor devem preencher nosso coração de tal forma que nos leve a entrar em sua presença com louvores, hinos e ações de graça. "Porque o Senhor é bom" (v. 5)

Que Deus lhe abençoe e até segunda-feira em mais um #LittleDevocional.