O salmista Davi diante das perseguições e das adversidades que se levantaram contra sua vida declara, confiadamente, que quando o seu coração for tomado pelo medo e pelo temor, ainda assim, confiaria em Deus.

Diariamente estamos sujeitos aos medos e temores, nossa vida é extremamente frágil e nossas forças são limitadas. Diante do caos social, político ou econômico somos tentados a perder a esperança, a abraçar o pessimismo e desistir de tudo.

Mas, ao contrário do que muitos de nós faríamos, o salmista declara que, ainda que seu coração fosse tomado pelo temor, sua esperança não seria abalada, pois ela ainda estaria firmada em Deus.

Somente no Senhor encontramos o porto seguro para a nossa alma e o refúgio eterno em meio às tempestades contínuas deste lado do universo.

Enquanto vivermos estaremos sujeitos ao medo, temor e à angústia, mas jamais se esqueça que, mesmo nos momentos mais escuros de nossa alma, ainda encontramos no Senhor o auxílio necessário para prosseguir a jornada

Que Deus lhe abençoe e até amanhã em mais um #LittleDevocional.