O Apóstolo Paulo, após tratar de assuntos como sofrimento, certeza da salvação, esperança e redenção, nos apresenta a famosa declaração “... sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus”.

Isso não significa que todas as coisas boas cooperam para o nosso bem e devemos estar cientes disso.

Muitas vezes quando passamos por alguma dificuldade ou sofrimento somos tentados a questionar onde Deus está, questionamos se Ele se esqueceu de nós ou até mesmo se Ele realmente existe.

Infelizmente nossa geração raramente compreende o real significado do sofrimento, fomos ensinados e aprendemos que tudo tem que dar certo, caso contrário, somos fracassados, perdedores, fracos ou não temos fé suficiente.

Mas em momento algum o sofrimento é sinal de derrota, de fraqueza ou de ausência de Deus. E ninguém menos do que o Apóstolo Paulo para nos confirmar isso!

O sofrimento é o megafone de Deus, sim! Parece estranho, mas não é! Deus utiliza o sofrimento para chamar nossa atenção para algo que não está tão bem assim. Muitas vezes precisamos sentir um pouco de dor para diminuir o ritmo acelerado de nossas vidas e dedicar um tempo para buscar ajuda aos pés de Jesus.

Sim, o sofrimento é o meio que Deus usa para parar nossa rotina atarefada e, muitas vezes, descompromissada com Ele e nos chamar novamente para o silêncio da oração, da vida devocional.

Lembre-se “todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito”. Talvez não exista respostas para a dor neste mundo, mas na eternidade encontraremos todas as respostas.

Fique na paz de Cristo, que Deus lhe abençoe e até amanhã em mais um #LittleDevocional.