Sabemos que Jesus em Sua morte na cruz do calvário assumiu o nosso lugar, se colocou entre nós e a Ira de Deus, mas o Apóstolo Paulo nos revela uma verdade ainda mais profunda e incompreensível acerca da morte vicária de Jesus.

Paulo ao escrever sobre a reconciliação entre os homens e Deus, declara que Jesus, mesmo não conhecendo o pecado, se fez pecado por nós.

Cristo nunca mentiu, nunca matou, nunca roubou, mas em Seu propósito de nos reconciliar com Deus aceitou ser feito pecado para que nEle pudéssemos alcançar a justiça de Deus.

Reflita por alguns instantes sobre isso, todo crime cometido contra a humanidade foi colocado sobre Jesus e, injustamente, Ele pagou o preço de nossa transgressão.

Sobre Ele foram colocados os pecados que você e eu cometemos todo dia, o ódio que alimentamos, a raiva que mantemos, todos nossos desejos e sentimentos perversos que brotam em nosso coração foram derramados sobre Cristo atraindo, desta forma, a Ira de Deus que nos era por direito.

Aquele que não conheceu pecado se fez pecado para que, por Sua justiça, nós recebamos a justiça de Deus.

Que Deus lhe abençoe e até amanhã em mais um #LittleDevocional.