Ao ensinar Seus discípulos como orar o Senhor Jesus lhes orienta a rogar pela chegada do Reino de Deus e pelo cumprimento da Vontade do Senhor.

Há alguns dias, quando meditamos sobre santificar o Nome Deus, compreendemos que o Nome do Senhor é santificado em nossas ações cotidianas e em como manifestamos o evangelho de Cristo em nossa vida.

Compreendendo isso somos capazes de entender quais são as consequências de clamarmos pela chegada do Reino e pela vontade de Deus.

Ao rogar pelo Reino de Deus o Senhor Jesus ensina os Seus discípulos duas questões importantes: 1) que devemos desejar o avanço do Reino de Deus neste mundo e 2) que devemos esperar o Reino Eterno de Cristo que se manifestará quando Ele voltar.

E o discípulo só é capaz de manifestar o Reino de Deus em sua vida cotidiana, em suas palavras e em seus afazeres diários quando ele compreende que é a Vontade de Deus, e não sua própria vontade, que deve ser colocada em evidência. Não é o que eu penso ou o que eu desejo, mas o que Deus pensa e o que Ele deseja.

Hey é Ele, e não você ou eu, que deve estar no controle, é a vontade dEle que deve ser priorizada, pois somente quando compreendermos isso podemos, de maneira coerente, rogar para que o Reino venha até nós.

Que Deus lhe abençoe e até amanhã em mais um #LittleDevocional.