Paulo, em sua carta aos irmãos de Roma, declara que naturalmente falando ninguém entregaria sua vida por um injusto (v. 7). Naturalmente estabelecemos critérios para que alguém mereça algo, nossa mente trabalha na base do mérito.

No entanto, o Apóstolo escreve falando que Deus não trabalha sob a mesma lógica humana quando o assunto é a salvação.

Ninguém, eu, você e nem mesmo as pessoas que você mais ama, mereciam a salvação. Estávamos todos longe de Deus e submersos em pecados. Se Deus utilizasse algum critério em nós para determinar se nos salvaria ou não, Jesus jamais teria morrido.

Mas Deus prova o Seu amor por todos os homens e envia Cristo para morrer pelos ímpios enquanto estes estão fracos e corrompidos por seus delitos (v. 6).

Às vezes nos esquecemos do amor de Deus e de Sua infinita graça, nos esquecemos o quão bondoso Ele é. Ele não precisava nos salvar, não precisava nos redimir e nos justificar às custas do sangue de Seu Filho Jesus Cristo.

Mas, por seu infindável e insondável amor, Ele fez.

Hey, jamais se esqueça deste amor, que custou a vida de Cristo e que nos abriu a porta para a salvação.

Que Deus lhe abençoe e até amanhã em mais um #LittleDevocional.