Acredito que, em algum momento, você já ouviu alguém falar em “pecadinho e pecadão”, certo? Mas, na realidade, não existe diferença alguma entre pecados.

Para Deus todo pecado é uma agressão ao Seus Mandamentos e uma afronta direta à Sua Santidade.

O Apóstolo João é bem enfático ao dizer que aquele que comente pecado, seja ele “pequeno ou grande”, é do diabo. Mas então ele está entrando em contradição com que escreveu no capítulo 1?

Não! Neste versículo João está se referindo aos pecados que são cometidos de maneira consciente, voluntária. O pecado não deve ser um estilo de vida para o cristão, não deve ser um hábito, mas um deslize.

João diz que temos um Advogado no céu que intercede por nós quando caímos. Todos estamos sujeitos ao pecado, mas não devemos enxergar no pecado um meio de vida, não devemos ter prazer no pecado.

Não existe pecadinho e pecadão, embora uns possam causar mais estragos do que outros, no final, todos levam para o fundo do poço, para a condenação eterna.

Livre-se de todo pecado, mesmo aqueles que parece inofensivos, se entregue ao Senhor e, mesmo que você caia, Ele estará de braços abertos para lhe ajudar a se levantar novamente.

Fique na Paz de Jesus e até amanhã em mais um#LittleDevocional.