Pela graça somos salvo... Desde que eu e você caímos com Adão no Éden tivemos nosso relacionamento com Deus corrompido em todos os níveis, antes a presença graciosa e aguardada do Criador pelo jardim, agora se tornou assombrosa e intimidadora.

Mas não apenas isso, nossa compreensão sobre a graça de Deus também foi terrivelmente deturpada pelo pecado.

Adão, antes da Queda, se relacionava com o seu Criador confiante no amor e na graça de seu Pai eterno, sabia que o caminho até Ele estava aberto porque Ele assim havia desejado, mas depois passamos a nos relacionar com Ele movidos por obras.

Achamos que fazendo o que é certo seremos aceitos diante de Deus, deixamos de olhar para a graça e o amor misericordioso do Pai e passamos a olhar para a nossa própria força, para nossos próprios méritos.

Nos enganamos ao acreditar que por nossas boas obras seremos aceitos ou amados por Deus.

Não somos salvos por obras de qualquer natureza, somos salvos simplesmente pela fé no sacrifício de Cristo Jesus e, quanto mais cedo compreendermos isto, mais cedo compreenderemos a profundidade do amor, graça e misericórdia do Pai.

A glória não é sua e não é minha, as obras não nos dignificam, mas glorificam ao Pai, não somos salvos por elas, mas para elas.

Que Deus lhe abençoe e até amanhã em mais um #LittleDevocional.